GCM intensifica fiscalização para coibir uso do cerol e linhas cortantes

PREVENÇÃO


A Secretaria de Segurança Pública e Defesa Civil, por meio da Guarda Civil Municipal (GCM), intensificou os trabalhos preventivos para coibir no município o uso de cerol e linhas cortantes. “As ações visam a segurança de crianças e adolescentes, bem como de motociclistas que ficam expostos a esse risco”, disse o prefeito Mario Botion.


A iniciativa prevê a fiscalização em estabelecimentos comerciais e em bairros onde há mais registros de ocorrências deste material. “Em julho de 2017 foram feitas 115 apreensões de pipas e carretéis de linhas com cerol e linha chilena. Neste ano, nos meses de junho e julho realizamos 98 apreensões do material proibido”, disse o secretário da pasta, Francisco Alves.


O secretário também ressaltou, que os trabalhos preventivos e educacionais terão continuidade nas escolas após o retorno às aulas. “Esta ação faz parte dos ciclos de palestras com o tema 'Pipa sem cerol, essa brincadeira é legal'. As atividades são dirigidas aos alunos de escolas das redes pública e particular”, explicou Francisco Alves.


Durante as palestras, os estudantes do 1º ao 5º ano do ensino fundamental recebem desenhos para colorir e informações sobre a Lei 4.724/2011, que proíbe o uso, industrialização, comércio, armazenamento, transporte e distribuição de cerol ou de qualquer material cortante usado em linhas para empinar pipas. “O objetivo deste trabalho é concientizar as crianças e sensibilizar os pais e toda a comunidade sobre os riscos que envolvem o uso do cerol. Denúncias podem ser encaminhadas à GCM pelo número 153”, afirmou Francisco Alves.


Nenhum comentário:

Megamutirão das igrejas acontece no próximo sábado

DENGUE Depois do megamutirão envolvendo servidores municipais, entidades e voluntários, a Prefeitura de Limeira está programando ma...