Evento no Residencial Rubi homenageia Mulher Africana

Reconhecimento

Evento no Residencial Rubi homenageia Mulher Africana

Crianças do Residencial Rubi que participam de projeto social desenvolvido pela Prefeitura de Limeira foram protagonistas de uma homenagem ao Dia Internacional da Mulher Africana, Latina e Caribenha. A iniciativa foi organizada pela gerente de Projetos Culturais da Secretaria de Cultura, Cleusa Santos, e recebeu a presença da presidente do Ceprosom, Maria Aucélia Damaceno, e da presidente do Conselho Municipal dos Interesses do Cidadão Negro (Comicin), Eliza Gabriel da Costa.

Na abertura do evento, a integrante do projeto, Isabeli Fuso, de 12 anos, e a poetisa e representante do Coral Afro Thulany, Malu Moraes, promoveram a leitura de textos sobre a temática da mulher negra. Na sequência, as crianças fizeram uma apresentação de flauta, acompanhadas ao violão por Rafael Clementino, também de 12 anos, e pelo maestro e voluntário, José Donizetti. 

Aucélia parabenizou a realização do evento e falou sobre a importância do projeto, criado há pouco mais de 1 mês, mediante parceria entre o Ceprosom e a Secretaria de Cultura. “Parabéns a todos que participam dessa iniciativa, que em tão pouco tempo, já apresenta resultados significativos. Estamos no caminho certo ao investir em políticas públicas”, disse, referindo-se à implementação de serviços de convivência voltados às crianças, adolescentes e idosos do Residencial Rubi.

Cleusa, por sua vez, ressaltou que o projeto atua na formação dessas crianças, partindo do princípio da ética e da cidadania, por meio da arte e da cultura. Ela informou que 65 crianças já frequentam as atividades. “Quantos valores estamos agregando com essa ação tão simples”, frisou. No encerramento do evento, Cleusa interpretou a poesia “Sou Mulher, Sou Negra, Sou Brasileira”, de sua própria autoria.

Sobre o Dia Internacional da Mulher Africana, Latina e Caribenha
A data de 25 de julho foi reconhecida pela ONU em 1992, após a realização de um encontro sobre machismo, racismo e as formas de combatê-los, que ocorreu em Santo Domingos, na República Dominicana. “Datas como essas são importantes como forma de valorizar a mulher negra”, comentou Malu Moraes.

Nenhum comentário:

Megamutirão das igrejas acontece no próximo sábado

DENGUE Depois do megamutirão envolvendo servidores municipais, entidades e voluntários, a Prefeitura de Limeira está programando ma...