Crise faz Prefeitura oferecer reajuste de 1,94% a servidor



A Prefeitura de Limeira ofereceu um reajuste de 1,94%, dividido em duas parcelas, ao funcionalismo municipal. A proposta foi apresentada na manhã desta terça-feira durante a Mesa de Negociação que discute o dissídio coletivo dos servidores. Estavam presentes secretários municipais, e representantes do Sindsel (Sindicato dos Servidores Municipais de Limeira), Apeoesp (Sindicato dos Professores da Rede Pública) e Sindguarda (Sindicato dos Guardas Municipais). A mesa é comandada pelo secretário Luiz Alberto Battistella (Administração).
O município argumenta que o índice – que corresponde a 50% da inflação medida pelo IPCA – reflete a grave crise financeira vivida pela Prefeitura, situação extensiva também a outras cidades e a governos estaduais. O país ainda tenta sair de uma recessão econômica que afetou de maneira drástica as finanças públicas. Com isso, a receita orçamentária dos governos sofreram forte retração e ainda estão abaixo de expecatativa de melhora para este ano. “É o que temos a apresentar diante deste cenário”, observa Battistella.
Outras pautas relativas ao dissídio propostas pelos sindicatos nem chegaram a ser discutidas, pois dois dois sindicatos presentes – Sindsel e Apeoesp – deixaram a mesa logo após terem ouvidos a proposta de reajuste oferecida pelo governo.
Segundo a proposta, 0,97% seria aplicado sobre o salários de março; enquanto o mesmo percentual em setembro – totalizando 1,94%. O mesmo índice também eleva o vale-refeição do qual parte da categoria tem direito.

LIMITES
A crise financeira vivida pela Prefeitura ampliou de forma significativa os gastos com o funcionalismo. Segundo dados oficiais, o município já superou o limite prudencial de recursos destinados à folha de servidores. Os gastos atingiram 52%, acima do limite prudencial de 51,3%, e bem próximo do teto previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal, que é de 54%.
Os limites com a folha também inviabilizam qualquer outro reajuste acima do oferecido nesta manhã pela Prefeitura durante a Mesa de Negociação. “Estaríamos correndo sério risco de violar a Lei de Responsabilidade Fiscal, o que não faremos no nosso governo”, afirma Battistella.


Aos domingos, acesso de veículos ao Parque Cidade é restrito ao portão A, no Anel Viário

PRIORIDADE A PEDESTRES


A Prefeitura de Limeira garante que os pedestres sejam priorizados aos domingos no Parque Cidade. Para isso, o acesso de veículos só é liberado pelo portão A, no Anel Viário. O fluxo de pedestres ocorre normalmente nos portões B, C e D. Em todas as entradas, há placas com orientações aos visitantes. Idosos e pessoas com deficiência podem acessar o parque com veículo pelo portão C, que fica ao lado do Ginásio Vô Lucato, a partir da liberação de um guarda civil municipal.

Megamutirão vistoria quase 28 mil imóveis

DENGUE



Servidores municipais e voluntários saíram às ruas no último sábado (16) para participar de um megamutirão contra a dengue. Eles vistoriaram quintais e orientaram os moradores sobre os cuidados no combate aos criadouros do mosquito Aedes aegypti – o transmissor da dengue. Limeira tem 66 casos confirmados da doença, e outros 199 estão em aberto (aguardando resultado). O megamutirão foi proposto pelo prefeito Mario Botion. “Cerca de 1,2 mil pessoas se envolveram no combate aos criadouros. E tenho que agradecê-las pelo importante trabalho e disponibilidade em participar”, disse ao acompanhar os servidores do Ceprosom (Centro de Promoção Social Municipal) na abertura dos trabalhos de rua - vistoria “casa a casa”.
De acordo com a Divisão de Controle de Zoonoses, 27.777 imóveis foram visitados, em mais de 50 bairros. O trabalho de visita foi realizado por funcionários de todas as secretarias municipais e IPML (Instituto de Previdência Municipal de Limeira). Foram feitas ainda três limpezas compulsórias e lavrados quatro autos de infração pelas equipes da Vigilância Sanitária, Guarda Civil Municipal, Ceprosom, Divisão de Controle de Zoonoses e Secretaria de Obras e Serviços Públicos. Somente a Operação Só Cacareco retirou três toneladas de entulho, e as equipes de limpeza (através das ações coercitivas) quase 19 toneladas.
Ainda foram feitas várias notificações – total de 322. A Divisão de Fiscalização de Posturas fez 131 notificações no Royal Palm, 52 no Interlagos, 101 no Santa Clara e 38 no Pompeo. Já a Secretaria de Mobilidade Urbana notificou cinco proprietários de veículos, para prevenção e controle da dengue. Os veículos estavam parados e servindo de criadouro para o mosquito.

DOMICILIAR
Integrando o trabalho de vistoria domiciliar, houve acompanhamento de perto do prefeito Mario Botion. Ele esteve na Vila Queiroz na casa da costureira Neusa Aparecida Gerotti. “A prevenção é fundamental. Procuro manter tudo limpo em casa, mas a gente sabe que muitos não tomam os cuidados necessários”, avalia. Na residência, os servidores municipais não encontraram nenhuma irregularidade. “Quero parabenizá-la pela conscientização. A senhora é um exemplo do que todos devem fazer, que é a lição de casa”, disse o chefe do Executivo.
O prefeito ainda esteve em algumas casas do Jardim Aeroporto. Dentre elas, do casal Adenir Marcelo Zanca e Ângela Zanca – ambos empregados públicos. No quintal deles, os servidores encontraram tudo em ordem. “Quero dar os parabéns ao prefeito pela atitude e pelos cuidados que tem com a cidade”, falou o morador. Já a esposa dele emendou: “incentivar a limpeza dos quintais é importante para que mais pessoas se conscientizem.”


VOLUNTÁRIOS
Como voluntários, muitos jovens participaram do megamutirão. Ajudaram no trabalho de conscientização, patrulheiros, escoteiros e atiradores do Tiro de Guerra. Os últimos dois grupos fizeram panfletagem na área central – no entorno da Praça Toledo Barros. “Participar de uma ação, como esta, é uma oportunidade única para os jovens que estão ingressando agora. E eles focaram que o combate aos criadouros do mosquito da dengue é responsabilidade de todos”, disse o subtenente Franklin. O Grupo Escoteiro Tatuibi também ajudou no megamutirão. Doze escoteiros e quatro chefes fizeram panfletagem. A ação, segundo eles, foi bem aceita pela população.

Ainda houve envolvimento de mais setores. Do Grupo Escoteiro Limeira, que atuou no Jardim do Lago; Acil (Associação Comercial e Industrial de Limeira), Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo), DeMolay e associações de bairros.
Mais uma ação grande está sendo planejada pela prefeitura, ainda neste mês, em parceria com comunidades religiosas. “Precisamos fazer uma varredura na cidade toda. A eliminação dos criadouros não requer muito tempo. Dez minutos por semana são suficientes para acabar com as larvas do mosquito. Por parte da prefeitura, estamos intensificando e melhorando as ações preventivas cada vez mais”, afirma o prefeito Mario Botion.


Novo currículo de ensino traz mais clareza para professores e gestores



Os professores da rede municipal de ensino participaram, nesta quinta-feira (7), de um encontro formativo para debater o novo Currículo de Ensino da rede municipal. A formação foi realizada na Secretaria de Educação e na Faculdade Anhanguera. Amanhã (8), a formação continua, de maneira a contemplar todas as áreas do conhecimento. Ao todo, participam mais de 1.500 docentes de Educação Infantil e Fundamental, especialistas de Arte e Educação Física, Atendimento Educacional Especializado (AEE) e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Com a chegada da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), tivemos o desafio de fazer uma adaptação. A rede municipal já possui um trabalho articulado com os princípios que a Base coloca há algum tempo. A base sofreu algumas mudanças e fizemos essas alterações”, afirma o secretário de Educação, André De Francesco, que participou do encontro. Ele observa que Limeira também foi uma das protagonistas da construção do currículo Paulista, participando ativamente. “Desse modo, conhecemos melhor nossa realidade e o novo currículo de ensino.”

Entre as principais mudanças do novo currículo está a maior clareza dos conteúdos e objetivos para cada ano de escolaridade. “O currículo traz, de maneira pontual, quais os conteúdos e objetivos cada ano de escolaridade deve atingir, desde a educação infantil até a educação de jovens e adultos. Isso ficou mais evidente e possibilita maior clareza para o professor em relação ao que ele deve atingir com seu trabalho ao final de cada ano de escolaridade”, explica a diretora pedagógica da Educação, Adriana Capicotto.

Outro movimento é de retomada e progressão – entender que tem conteúdos que começam no primeiro ano, mas vão ser retomados no segundo e consolidados no terceiro, por exemplo”, cita Adriana. Ainda conforme a diretora, alguns conteúdos foram incorporados, principalmente o trabalho com a tecnologia e as mídias digitais. “Vivemos em uma sociedade tecnológica e a escola deve fazer uso dessas tecnologias para favorecer a aprendizagem. É algo que também mudou em relação ao novo currículo.”

A professora de educação infantil no Ceief Rafael Affonso Leite e de educação especial na Emeief Profª Benedicta de Toledo, Gislaine de Cássia Barboza, afirma que o novo currículo vai nortear as ações dentro da escola. “Vai ser muito importante e dará subsídios para nós professores. Nós já tínhamos um currículo, atrelado à BNCC. Aplicamos um currículo melhorado, pois, com o conteúdo da rede, as crianças têm um desenvolvimento muito bom. Então, em cima da base, nós aperfeiçoamos para trabalhar com os alunos”, explica.

REVISÃO

A partir de março, o novo currículo norteará todo o planejamento pedagógico e as avaliações das escolas municipais de Limeira. Segundo Adriana Capicotto, a revisão do plano foi feita ao longo do ano passado a partir da publicação da BNCC, em dezembro de 2017, pelo Ministério da Educação (MEC). A reconstrução do currículo aconteceu em parceria com representantes das escolas e do Conselho Municipal de Educação.

A importância de envolver as equipes da secretaria e das escolas é justamente para trazer a demanda da realidade de cada unidade. O próprio movimento de construção do currículo foi formativo, houve a possibilidade de discutir vários pontos, as escolas trouxeram vários encaminhamentos, que foram incorporados ao documento”, explica Adriana. Segundo ela, o trabalho conjunto favorece o aspecto formativo e o currículo passa a representar o anseio de um coletivo. “O principal objetivo é que esse documento não seja apenas burocrático, mas uma carta de compromisso dos educadores com nossos estudantes.”

A diretora da Emeief Martim Lutero, Diná Dibbern Fischer, destaca que a participação dos professores e gestores nesse encontro está atrelada ao acompanhamento pedagógico nas escolas. “O professor não é um agente meramente administrativo na escola. Ele tem que acompanhar, saber e ver o que acontece no pedagógico. Estar aqui e conhecer a nova base e o currículo é poder entender o que acontece nas salas de aulas”, observa. Para ela, a base, adaptada ao currículo municipal, permite maior desenvolvimento dos alunos. “O currículo de Limeira está além da BNCC. Ele não prevê o mínimo e sim o máximo que meu aluno pode aprender e alcançar.”

Adriana Capicotto afirma que o currículo de Limeira sempre teve a característica de trabalhar na perspectiva do máximo de aprendizagem. “É diferente da base, que coloca a questão do mínimo. Nosso currículo não traz conteúdos mínimos, e sim o máximo possível em termos de aprendizagem que se espera que cada aluno da rede municipal atinja”, frisa. A diretora explica que esse movimento alinha o olhar de todos os educadores na mesma perspectiva. “Isso tem movido o professor a se capacitar mais, em um movimento em conjunto com a secretaria, oferecendo capacitação, a própria unidade, organizando movimentos de formação, e a autoformação do educador.”

André De Francesco salienta que esse momento de formação faz parte de um processo de investimento iniciado na área desde o ano passado. “Criamos o Encontro Municipal de Educação Continuada (EMEC), que será ampliado, e firmamos a parceria com o programa Parceria Votorantim pela Educação (PVE), que veio complementar a formação dos gestores”, cita. Segundo Francesco, a equipe de formação tem um cronograma mais intenso em 2019. “Ao longo do ano, serão cerca de 40 encontros com os formadores,in loco, para tratar de assuntos específicos das dificuldades e da realidade de cada um. O foco está em trabalhar os maiores desafios permanentemente.”, destaca.

Prefeito pede mobilização de escolas estaduais e particulares no enfrentamento da dengue


O prefeito Mario Botion reuniu-se na tarde desta quinta-feira (7), na Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA/Unicamp), com representantes de faculdades, Senac, Senai e de escolas estaduais e particulares de Limeira. A iniciativa foi do Gabinete de Prevenção e Emergência no Combate ao Aedes Aegypti, que é presidido pelo prefeito, visando articular ações de prevenção à dengue no município. As escolas estaduais foram convocadas pela diretora Regional de Ensino, Isabel Cristina Pivetta Fodra, que também compareceu ao evento.

Botion agradeceu a presença dos educadores e falou sobre a necessidade de envolvimento de professores e alunos na prevenção do Aedes aegypti – que além da dengue, é o transmissor da Zika e da Chikungunya. O prefeito ressaltou que o trabalho de controle e prevenção do mosquito foi intensificado nos últimos dois anos, com destaque para os mutirões e o controle do vetor dentro das residências – ação denominada “casa a casa”. Outro aspecto mencionado por Botion foi a organização do “Dia D” nas escolas municipais, em 28 de fevereiro, quando as unidades desenvolveram ações de conscientização.

A realização do megamutirão contra dengue, marcada para o dia 16, também foi destacada pelo prefeito. Ele observou que na semana passada, houve uma reunião semelhante, para mobilizar as escolas municipais e os “síndicos” dos prédios públicos (servidores designados para fazer a prevenção de criadouros dentro das repartições da prefeitura). “Será um dia importantíssimo e convidamos todos vocês – gestores de escolas estaduais e particulares – a contribuírem nesse processo”, frisou. 

Acompanhada do diretor de Vigilância em Saúde, Alexandre Ferrari, a chefe da Divisão de Controle de Zoonoses, Pedrina Aparecida Rodrigues Costa, apresentou dados sobre o avanço da dengue em todo o estado, incluindo o município de Limeira. Até o momento, foram contabilizadas 45 ocorrências da doença, incluindo dois casos do tipo 2 – que não era registrado no município há pelo me nos dez anos.

Pedrina mostrou como é feito o trabalho de controle e prevenção ao mosquito no município e enfatizou que a medida mais importante é a “eliminação de criadouros”. Ela também apresentou o resultado da Avaliação de Densidade Larvária, que apontou situação de “alerta” para dengue em Limeira, com índice de infestação de larvas do mosquito de 1,7. “O Aedes aegypti é um mosquito urbano, que necessita estar perto das pessoas e que prefere os criadouros artificiais, como ralos e objetos inservíveis”, afirmou. 

O diretor da Escola Estadual Otávio Pimenta Reis, André da Silva Cruz, avaliou positivamente a reunião com o prefeito e salientou que a unidade, ondem estudam 560 alunos do ensino fundamental, realiza ações permanentes de prevenção. Ele esclareceu que esse trabalho conta com apoio dos professores de Ciências, que desenvolvem atividades voltadas para alunos e seus familiares. “Essa reunião é importante, pois mostra o apreço de todas as esferas do Poder Público com o tema”, disse.

Mutuário poderá parcelar dívidas e legalizar posse de imóvel

FACILIDADES


Moradores de imóveis de programas habitacionais do município que estejam inadimplentes com pagamentos de prestações ou que ainda não regularizaram a posse poderão agora se beneficiar de uma lei de autoria do prefeito Mario Botion. A lei foi aprovada na noite de quarta-feira (6) pela Câmara Municipal e passará a vigorar nos próximos dias. Ela contempla ocupantes de imóveis dos bairros Jardim Nova Conquista, Jardim Residencial Ernesto Kühl, Jardim Residencial José Cortez, Jardim Residencial Antonio Simonetti I e IV, Geada e Conjunto Juscelino Kubitschek de Oliveira.

A nova legislação sobre o assunto, conforme o que está estabelecido no parágrafo segundo do artigo primeiro, não se aplica aos imóveis financiados pelo Sistema Financeiro de Habitação, Programa Minha Casa Minha Vida, cujos contratos tenham sido pactuados com a Caixa Econômica Federal, CDHU e COHAB.

A lei cumpre uma função social. A Prefeitura, com a nova legislação, tem o propósito de evitar medidas que resultem na retomada do imóvel pelo município”, explica a secretária de Habitação, Marcela Siscão. “Nossa intenção é beneficiar o cidadão que, por algum motivo, ainda não conseguiu regularizar o seu imóvel”, complementa o prefeito Mario Botion.

Segundo Marcela, a lei observa três situações, entre outras: 1-) flexibilizar o pagamento de parcelas por parte de moradores que se encontram inadimplentes; 2-) regularização de transferências (quando há contratos de gaveta); e 3-) regularização da posse (no caso de não haver nem mesmo o contrato de gaveta). Nesses dois últimos itens, a lei estabelece critérios que irão facilitar a posse da propriedade e a lavratura da escritura.

Com relação aos casos de inadimplência, Marcela explica que o proprietário do imóvel poderá quitar a dívida com a prefeitura a partir de um parcelamento do valor - composto pelas prestações atrasadas e por aquelas que ainda vão vencer. Situação que resultará na prorrogação do contrato. O valor da parcela terá como limitador 25% do salário mínimo, conforme o que esta previsto na legislação que entrará em vigor. “O objetivo é não onerar a capacidade de renda da família”, argumenta Marcela.

Estatística da Secretaria de Habitação indica que atualmente 917 contratos estão em situação de inadimplência por diferentes motivos. Porém, o número de famílias que poderão se beneficar da lei deverá ser bem maior. Isso devido ao fato de situações de contratos de gavetas não estarem contabilizados.

LIGA JUNDIAÍ



Vôlei Limeira Master inicia temporada com vitórias

A equipe feminina do projeto Limeira Vôlei Master, organizado e apoiado pela Secretaria de Esporte e Lazer de Limeira, iniciou, no sábado (23), a participação no Campeonato da Liga Jundiaí de Voleibol. O evento reúne sete equipes da categoria Master Feminino de diversas cidades da região e ocorre até julho. Na primeira participação, a equipe limeirense disputou dois jogos obtendo resultados positivos em ambos.

No primeiro jogo, o Limeira Vôlei Master enfrentou a equipe jundiaiense “Quadrilha” e saiu com uma ótima vitória por 3 a 0 (25x16, 25x14 e 25x11), com destaque para a levantadora limeirense Fernanda. O segundo jogo, na sequência, foi contra a equipe “Ïnove”, também de Jundiaí. Neste jogo, Limeira venceu por 3 a 1 (15x25, 25x12, 25x11 e 25x22), com destaque para a atacante de meio Selma, de Limeira.

Para estes jogos, a equipe limeirense contou com a participação das seguintes atletas: Fernanda, Val, Fabiana, Cintia, Valeska, Renata, Simone, Adriana, Selma, Maria, Ana Lúcia, Cláudia e Paola. A equipe foi dirigida pelo Prof. Joacir Mugnaini.

A equipe Limeira Vôlei Master faz parte do projeto de vôlei master que acontece às terças e quintas-feiras, no Ginásio Vô Lucato, e é aberto à população feminina acima de 30 anos. Mais informações podem ser obtidas no próprio local, nos horários de treinamentos.

PREVENÇÃO



Limeira terá megamutirão contra dengue no dia 16; ação nas escolas será nesta quinta (28)

O prefeito Mario Botion coordenou nesta terça-feira (26), no Paço Municipal (Edifício Prada), a primeira reunião de trabalho do Gabinete de Prevenção e Emergência no combate ao Aedes aegypti”. No encontro, Botion acertou os detalhes da realização do “Dia D” de combate à dengue em todas as escolas municipais, nesta quinta-feira (28), bem como do megamutirão contra adengue, denominado “Dia da Ação e Atitude”, no dia 16 de março, das 7h30 às 12h30. Conforme a Vigilância Epidemiológica, há 28 casos confirmadosde dengue no município. Outros 103 aguardam resultado de exame.

Estiveram presentes à reuniãoo vice-prefeito, Júlio Pereira dos Santos, o Dr. Júlio, o secretário de Comunicação Social, Antonio Peres, o secretário de Administração, Luiz Alberto Battistella, o secretário de Saúde, Vitor Santos, o diretor de Vigilância em Saúde, Alexandre Ferrari, além de representantes das demais pastas municipais.

Botion destacou que a ideia do megamutirão é envolver toda a sociedade na prevenção ao mosquito, incluindo igrejas, empresas, comércio, sindicatos e ONGs, entre outros. O prefeito salientou que os servidores municipais serão chamados a participar, como forma de compensação dos pontos facultativos. As secretarias terão até esta sexta-feira (1º) para repassar ao Gabinete de Prevenção o contingente de servidores disponíveis. Paralelamente, será agendada reunião com os sindicatos que representam a categoria pedindo participação e apoio à iniciativa.

Ainda sobre o megamutirão, Botion sugeriu que escolas, Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e centros comunitários fiquem abertos no dia para vistoriar a localidade onde estão inseridos. “A organização desse evento é uma iniciativa muito oportuna e temos o desafio de envolver a sociedade”, frisou. Além de visitas aos imóveis para controle de criadouros, haverá fiscalização de imóveis abandonados e de terrenos não edificados, vistoria de veículos abandonados e ações de limpeza compulsória.

Botion também falou sobre a importância da criação do “Gabinete de Prevenção” e da necessidade de desenvolver um trabalho intersetorial para efetivo controle da doença. O prefeito observou que o Aedes aegypti está adaptado ao meio urbano e que a proliferação ocorre sobretudo dentro das residências. No entanto, a preocupação com a manutenção dos imóveis que pertencem ao poder público foi lembrada pelo prefeito. “Nesta quarta-feira (27), teremos uma reunião com os síndicos dos próprios públicos para reforçar a necessidade de prevenção à dengue. Nosso objetivo é manter todas as áreas que pertencem ao município, como escolas, centros comunitários e praças, livres do mosquito”, salientou. A reunião com os síndicos será às 14h, no Teatro Vitória (Praça Toledo Barros, Centro).

Quanto à promoção do “Dia D” de combate à dengue nas escolas municipais, a chefe da Divisão de Controle de Zoonoses, Pedrina Aparecida Rodrigues Costa, comunicou a organização de um “Encontro de Educadores”, também nesta quarta-feira (27), às 8h, no Teatro Vitória, em que serão discutidas as estratégicas da ação. O objetivo, conforme Pedrina, é que as escolas desenvolvam atividades internas e externas para evidenciar o tema, como palestras e passeatas. “Precisamos de ação e atitude. As pessoas devem colocar em prática o conhecimento que já possuem sobre a dengue”, disse.

Na ocasião, a Secretaria de Comunicação Social apresentou a nova campanha publicitária para alertar a população contra a circulação do vírus da dengue do tipo 2. A campanha contém vídeo, materiais impressos e anúncios em redes sociais. “O trabalho de prevenção à dengue vem sendo intensificado no município desde janeiro de 2017, logo que a gestão do prefeito Mario Botion tomou posse. Colocamos uma campanha de conscientização nas ruas e fizemos parceria com diversas instituições para reforçar esse trabalho. Agora, vivemos um momento diferenciado, com a aproximação da dengue do tipo 2. Precisamos mobilizar toda cidade e chamar a atenção para esse tema”, afirmou Antonio Peres.

Dentro da perspectiva de somar esforços em torno da prevenção, Botion destacou que realizou tratativas com o Ciesp e que recebeu apoio integral da entidade para mobilizar as empresas de Limeira. “A recepção foi imediata e o Ciesp já se colocou à disposição para colaborar nesse trabalho. O propósito será estabelecer contatos com todas as entidades representativas de Limeira, como Acil, sindicatos patronais e de trabalhadores, entre outras, para juntos enfrentarmos esse grave problema. O Gabinete de Prevenção e Emergência no combate ao Aedes aegypti facilitará a integração dessas iniciativas”, salientou Botion


INSTALAÇÃO


Prefeito recebe representantes da Nutrien

O prefeito Mario Botion recebeu, nesta terça-feira, o ceo da Nutrien Ag Solutions, Julio Zavala, e outros representantes da empresa que, em breve, instalará uma unidade em Limeira. A Nutrien atua em dois segmentos – produção e varejo. A sede mundial fica no Canadá, e aqui, no Brasil, está localizada em Itapetininga (SP). A vinda para o país se deu em 2012. Além de São Paulo, a empresa mantém unidades no Estado de Minas Gerais.

De acordo com o gerente-geral, Zavala, a Nutrien é a maior empresa de fertilizantes do mundo. E, em Limeira, abrirá uma distribuidora de insumos. “Escolhemos a cidade, pois ela é importante na representatividade do setor de citros. A região também”, disse. “Estamos sempre abertos à vinda de novos investimentos. E fico feliz com a escolha de Limeira”, falou o prefeito.

Ainda participaram do encontro o secretário de Desenvolvimento, Turismo e Inovação, Tito Almirall; o gerente-geral, Clayton Mônaco; o gerente regional, Bebeto Soares; e o diretor de Serviços Públicos, José Gabriel Borges Soares.

FUTSAL



Alunos da Secretaria de Esporte e Lazer participam de amistoso em Campinas

A Prefeitura de Limeira, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer, realizará um jogo/treino de futsal contra a equipe de jovens da Fundação Casa Maestro Carlos Gomes, de Campinas (SP). Realizado na sexta-feira (1º), às 14h, o evento terá caráter pedagógico, colaborando com o cumprimento da medida socioeducativa dos jovens. O jogo será na fundação, em Campinas.

O convite do amistoso partiu do professor da fundação, José Ricardo, para apasta. Os atletas de Limeira são todos integrantes do programa Escola de Esportes, de vários núcleos de futebol com idades entre 15 e 18 anos, e estarão acompanhados do professor Giuseppe Argolo.

Segundo ele, o evento tem grande valor, tanto para os jovens de Limeira quanto para os jovens da fundação. “Trata-se de um importante passo de ressocialização para os jovens que se encontram em cumprimento de medidas socioeducativas, e uma grande experiência para os jovens de nossa cidade”, falou.

Crise faz Prefeitura oferecer reajuste de 1,94% a servidor

A Prefeitura de Limeira ofereceu um reajuste de 1,94%, dividido em duas parcelas, ao funcionalismo municipal. A proposta foi apresentad...